sábado, 5 de dezembro de 2009

Números ordinais

 

Recentemente, uma amiga, colega da área de Lingua Portuguesa, me propôs que escrevesse o número 888 na forma ordinal. Apesar de lidar diariamente com números, não consegui fazê-lo de forma correta. Ela mesma, que me fez a proposta, se atrapalhou, a ponto de ter de recorrer à gramática.

Convém esclarecer que os números cardinais  expressam uma quantidade absoluta ao passo que os números ordinais são utilizados para assinalar uma posição numa sequência ordenada e dão ideia de hierarquia: primeiro, segundo, terceiro, quarto, etc.

Cardinal   Ordinal
um primeiro
dois segundo
três terceiro
quatro quarto
cinco quinto
seis sexto
sete sétimo
oito oitavo
nove nono
dez 10° décimo
onze 11° décimo primeiro
doze 12° décimo segundo
treze 13° décimo terceiro
catorze/quatorze 14° décimo quarto
quinze 15° décimo quinto
dezesseis 16° décimo sexto
dezessete 17° décimo sétimo
dezoito 18° décimo oitavo
dezenove 19° décimo nono
vinte 20° vigésimo
trinta 30° trigésimo
quarenta 40° quadragésimo
cinquenta 50° quinquagésimo
sessenta 60° sexagésimo
setenta 70° septuagésimo
oitenta 80° octogésimo
noventa 90° nonagésimo
cem 100° centésimo
duzentos 200° ducentésimo
trezentos 300° tricentésimo ou trecentésimo
quatrocentos 400° quadringentésimo
quinhentos 500° quingentésimo
seiscentos 600° sexcentésimo ou seiscentésimo
setecentos 700° septingentésimo
oitocentos 800° octingentésimo
novecentos 900° noningentésimo ou nongentésimo
mil 1000° milésimo
dois mil 2000° dois milésimo
três mil 3000° três milésimo
milhão   milionésimo
bilhão   bilionésimo
trilhão   trilionésimo

 

Dessa forma, o ordinal correspondente a 888° é octingentésimo octogésimo oitavo.

Simples, não é mesmo?

Francisco Ismael Reis.

AssinaturaFundoCla

05/12/2009.